Intro: Roteiro Espanha 15 dias (Madrid, BCN e Andaluzia)

IMG_0166

Flamenco numa rua em Granada.

Viajamos de Lufthansa numa promoção de R$1.500, RIO-BCN-RIO, em nov/2014.

Clima: fomos no início do mês e pegamos temperaturas entre 2 e 26°. Bem eclético! Fez frio em Granada (mesmo estando no sul, a cidade é mais fria por causa da Sierra Nevada) e em Madri. Em compensação, fez 26° em Málaga.

Nosso roteiro de 13 noites na Espanha foi:

RIO

BARCELONA (3N)*

↓ avião

GRANADA (2N)

↓ônibus

MÁLAGA (2N)

↓ carro

RONDA (algumas horas)

↓ carro

PUEBLOS BLANCOS: Olvera + Setenil de las Bodegas + Zahara de la Sierra + Grazalema + Benaocaz + Villalengua del Rosario + Ubrique + El Boque + Arcos de la Frontera (1N) + Jerez de la Frontera*

↓ carro

SEVILLA (1N)

↓trem

MADRID (4N)

(+ trem bate-e-volta Toledo*)

↓trem

BARCELONA

RIO

Como era promoção, tivemos que ir e voltar da mesma cidade, ou seja, chegando e saindo de Barcelona. Do contrário voltaríamos de Madrid direto pro Rio e lucraríamos 1 dia. Ventajas y desventajas…

Se você tiver mais tempo pode encaixar Valencia (2N)  entre Madrid e BCN.

* Com tempo fique 1 ou 2 noites a mais em BCN. Na verdade, a cidade merece uma semana ou mais. É muito rica de coisas pra ver!

* Este era nosso roteiro “pueblos blancos” traçado, mas acabamos não entrando em todas estas cidades e em algumas nem passando. Por causa do tempo – acabamos esquecendo da vida em Ronda! -, tivemos que cortar caminho.

O trajeto BCN-Granada foi de Iberia. De Granada para Málaga optamos pelo ônibus pois não havia trem direto, teríamos que fazer baldeação no meio do caminho. O ônibus é maravilhoso. Confortável, dão lanchinho e ainda tem wifi. Os trens que pegamos foram todos primeira classe, pois como cada um tinha uma mala média pra grande, achamos mais confortável garantir mais espaço para guardá-las. Pegamos a tarifa mesa, já que éramos 4. Perfeito!

Tenho outro post com mais uma opção de roteiro pela Espanha encaixando Portugal e Marrocos: http://losamantespasajeros.wordpress.com/2013/10/03/andaluzia-espanha/

IPHONE 1451

Voo Barcelona a Frankfurt (escala)

Mas na minha opinião, a Andalucía é a região mais bela!! No link acima explico porquê.

Vou escrever um post para cada cidade. Veja a seguir o que elas têm em comum.

  • Transporte: para trem, use a Renfe (www.renfe.com) e para ônibus, Alsa (www.alsa.com).
  • Gorjeta: em restaurantes não é obrigatório dar propina (gorjeta em espanhol), mas se você tiver sido bem atendido, fique à vontade.
  • Hablar: assim como no Brasil, há  variação de vocabulário por região, principalmente quando o assunto é comida. Por exemplo: Porra, que  em espanhol lê-se “pora”, é em Madrid um churros mais grosso (foto). Já em Málaga, é uma sopa fria de tomate, que nas outras regiões chamariam de salmorejo.
SONY DSC

Foto da Internet

  • Idiomas: em Barcelona, a primeira língua é o catalão. Claro que todos falam castellano, mas nos cartazes, sinalizações e cardápios, virá sempre o catalán em primeiro lugar, logo o castellano e depois, o inglês. Assim como no norte, País Basco, a língua oficial é o euskera e na Galicia, menos radical, usam o gallego.
  • Super tranquilo andar de táxi por lá.
  • Algumas lojas fecham para siesta de 14 às 17h.
  • Se não sabe hablar español, fale português devagar. Todos vão se entender. Guarde seu portuñol pra você! 🙂

Hospedagem: vou especificar nos posts de cada cidade onde ficamos, mas fica uma sugestão geral. Na Espanha tem os Paradores, que são hotéis do governo, mais típicos e alguns de luxo, feitos em antigos castelos ou conventos. Todos têm restaurante com umavista espetacular. Veja o site: http://www.parador.es/es

E tem uma cadeia de hotéis boutique que conheci quando me hospedei na Cidade do México. Gostei muito e  tem ótimo custo-benefício. É da rede Room-mate: http://www.room-matehotels.com/

Usamos muito aluguel de apto no site Airbnb.com. Mas não tivemos uma experiência 100% conforto no quesito banho na Espanha. Percebemos que os aquecedores das casas eram pequenos, então o banho tinha que ser bem rápido. Até aí OK, nada mais ecologicamente correto. Mas mesmo assim, o próximo a tomar banho, tomava quase frio. Você tinha que esperar ao menos 1h pra entrar na ducha. Nos hotéis isso não acontecia. Sem contar que todas as duchas eram pequenas e muito sem jeito. Só isso, porque o resto foi perfeito.

Viajamos eu, André e meus sogros:

10711010_10152382053026640_3831945851244348990_n

Palau de la Música Catalana, Barcelona

* todas as fotos são de nossa autoria.
Esta entrada foi publicada em Espanha e marcada com a tag , , , , , , , , , , , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *